16.8.12

A nossa Origem Estrelar



A nossa origem Estelar

Hoje vamos falar da nossa conexão com os Irmãos das Estrelas. Como já foi dito alhures, os seres que habitam este planeta não são daqui, muitos deixaram suas moradas siderais e se deslocaram para cá para ajudar esta humanidade; vieram de mundos avançados, e aqui chegados trabalharam, progrediram e partiram de volta para seus lares siderais; outros, não progrediram, estacionaram, ficaram presos ao sistema cármico do planeta e aqui permanecem até hoje; outros ainda vieram transferidos compulsoriamente para se ajustarem às leis cósmicas, uma vez que desperdiçaram oportunidades que lhes foram oferecidas para evolução em mundos avançados. Mas somos todos irmãos.
Portanto, esses irmãos que se encontram aqui, passando-nos instruções e ensinamentos, são nossos irmãos verdadeiros, fazem parte de nossa família sideral.
Nestes momentos cruciais da transição, eles que já praticam o amor universal, continuam junto a nós, nos ajudando, nos incentivando, dando todo o apoio para que possamos concretizar o nosso objetivo.
Falam da “alegria do reencontro e de poder usufruir das venturas que o nosso Pai Maior nos reserva.” E dizem mais: “o tempo nada apaga, trabalhamos para rever aqueles que o tempo teve que separar, para progresso de uns e ruína de outros.”
Quando se levantarem os véus, todos iremos verificar verdadeiramente o que somos, de onde viemos, para onde iremos e sobretudo o que estivemos fazendo aqui durante todo esse período.
Era nossa intenção, e talvez o façamos em outra oportunidade, contar mais a respeito dessa nossa ligação com esses irmãos, mas pela exigüidade de espaço, vamos transcrever apenas algumas mensagens, das mais antigas às atuais que falam dessa interação, e deixando por fim uma observação que se faz necessária: “Não descendemos do macaco, somos FILHOS DAS ESTRELAS.”

O.U.S.E
Postar um comentário